ACADEMIA

tok china e loja de motos

tok china e loja de motos

segunda-feira, 10 de abril de 2017

Violência e pânico imperam e torna Sertânia uma cidade sem lei, diz CDL em nota


A Câmara de Dirigentes Lojista de Sertânia (CDL), através do seu presidente Paulo Roberto, emitiu nota neste sábado (08), sobre a questão da violência e pânico que imperam naquela cidade. Lamentavelmente enquanto diversos políticos do município tiveram a mesma preocupação e estão até se mobilizando para tentar sensibilizar o poder público estadual, o vereador José Ivan (PDT), que faz parte da base do governo municipal, ao invés de buscar soluções para o caso, preferiu culpar a ostentação e exibicionismo do povo. 
"O povo tem que aprender, acho no meu entendimento, que numa ocasião crítica como essa, se deveria ostentar menos. Quem tem bens materiais aí, porque andar desfilando com celular no meio da Rua? por quê? A gente ver muito isso, principalmente esses jovens. Se não tem necessidade, use em casa, use no momento propicio, guarde-o. Procure ostentar menos as coisas. Procure ser mais inteligente. O que os pais estão fazendo com essa droga desenfreada que está aí? Tão ajudando também? Como?", disse o vereador José Ivan de Lima neste sábado, em entrevista a Rádio Sertânia FM, buscando justificar a incapacidade e a incompetência dos governos com relação à segurança pública em Sertânia. 
A população revoltada com a violência pensa em ir às ruas contra os políticos donos de mandatos, que prefere bajular os governantes e deixar o próprio povo a mercê da insegurança.
 Eis a nota da Câmara de Dirigentes Lojista:   
 "A violência tomou conta de Sertânia, assalto a mão armada, arrastões e assassinato, virou rotina, temos que fazer alguma coisa, algum ato pra chamar atenção das autoridades. 
Se instalou a insegurança na nossa cidade, hoje pode-se chamar de Sertânia sem lei, não podemos sair de casa, nossos filhos não podem ficar tranquilos em uma Praça, estamos refém do medo. Comércios fechando cedo com medo de assalto, um verdadeiro toque de recolher. 
Vamos nos unir chamar todos os poderes: entidades religiosas, associações, servidores Municipal , Estadual, Federal e toda população em geral.
Cadê as autoridades? Exigimos segurança! Pagamos nossos impostos aos governantes de todas as esferas para termos no mínimo três pontos básicos: Saúde, Educação e PAZ. 
Estamos exigindo, não estamos pedindo nada a ninguém.
Exigimos nossos direitos de cidadania. Vamos dar um basta na violência que hoje impera na nossa querida Sertânia".
CDL EXIGE PAZ EM SERTÂNIA - PRES. PAULO ROBERTO.