ACADEMIA

tok china e loja de motos

tok china e loja de motos

sexta-feira, 16 de junho de 2017

Ex-vocalista da banda Cavaleiros do Forró morre em acidente de carro aos 37 anos


A cantora de forró eletrônico Eliza Clívia, 37, ex-vocalista das bandas Cavaleiros do Forró e Cavalo de Aço, morreu em um acidente de trânsito no centro da cidade de Aracaju (SE), na tarde desta sexta-feira (16). O namorado dela, o baterista Sergio Ramos, também morreu. 

Outras três pessoas que estavam no veículo tiveram ferimentos leves e não correm risco de morte, segundo o Hospital de Urgência de Sergipe, para onde as vítimas foram socorridas. Elas foram identificadas pelos nomes de Cleberton José dos Santos, João Paulo Tavares da Silva e Paulo Teixeira de Carvalho.

Eliza Clívia estava com sua equipe divulgando um show que iria realizar no Armazém Avenida, em Aracaju, na noite desta sexta. Segundo a agenda da cantora, ela tinha show programado em Rio Largo (AL) para este sábado (17), em Atalaia (AL) e em Glória do Goitá (PE), neste domingo (18).


O veículo que a cantora estava se envolveu em uma colisão com um ônibus no cruzamento das ruas Arauá e Maruim. 

Segundo a PM (Polícia Militar), o carro avançou a preferencial do cruzamento e se chocou com um ônibus. O impacto arremessou a traseira do veículo contra um muro. Eliza Clívia e Sergio Ramos estavam no banco de trás do veículo, foram esmagados e ficaram presos às ferragens.

Os corpos de Eliza e de Sérgio tiveram de ser retirados pelo Corpo de Bombeiros com uso de aparelho desencarcerador, e foram encaminhados ao IML (Instituto Médico Legal) para o exame de necropsia. 

Antes do acidente, Eliza Clivia tinha dado entrevista ao programa Segurança em Alerta, na TV Aperipê, emissora pública de Sergipe filiada à TV Cultura, e iria ser entrevistada nas rádios Ilha FM, PM Sergipe e TV Atalaia.

20 anos de carreira

Eliza Clívia Angelino Maranhão estava em carreira solo há quatro meses e vinha divulgando seu novo trabalho em comemoração aos 20 anos de carreira. A cantora nasceu na cidade de Livramento, na região do Cariri da Paraíba, e começou a cantar profissionalmente aos 16 anos, influenciada pelo pai sanfoneiro.

O primeiro trabalho dela foi com o grupo Big Banda, na cidade de Monteiro (PB). Em 2003, ela foi contratada pela banda Cavaleiros do Forró. Dez anos depois, Eliza Clívia se desligou da banda junto com o vocalista Jaílson Santos, com quem foi casada até 2016.

Em março de 2013, o casal iniciou trabalho na banda Forró Cavalo de Aço e no início deste ano Eliza Clívia anunciou que estava se desligando do grupo para ingressar na carreira solo.

Fonte: Bol