ACADEMIA

tok china e loja de motos

tok china e loja de motos

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Mulher é estuprada em São José do Egito. Veja esta e outras ocorrências


Mulher é estuprada em São José do Egito
A GT ordinária foi informada pela central da 3ª CPM, a qual informou que por trás do Colégio Edson Simões, uma mulher estaria sendo agredida. Chegando ao local, foi flagrado o agressor, C C da S, 25 anos, solteiro, desocupado e vítima, E G de O, 35 anos, solteira, profissão n/i, ambos deitados na calçada, onde o imputado estava completamente sem roupas e a vítima sem as roupas da cintura para baixo.
A vítima relatou que teriam saídos ambos numa boa do bar Scorpions, mas que ao chegarem por trás do colégio, o imputado teria forçado a mesma a ter relações sexuais, chegando a tentar enforcá-la. Testemunhas relataram que ouviram gritos da vítima.
Diante dos fatos a ocorrência foi encaminhada à DP de Afogados da Ingazeira, onde o imputado foi autuado em flagrante delito.
Tuparetama: menor de 16 anos é ferido na mão ao manusear arma de fogo
A GT foi acionada pelo hospital local, o qual informou que havia dado entrada um menor de 16 anos atingido na mão direita por um disparo de arma de fogo. Ao chegar ao hospital a vítima estava se deslocando para o hospital regional da cidade de Arco Verde para receber atendimento médico, devido a gravidade das lesões nos dedos da mão direita.
Ao ser indagado sobre o ocorrido, o mesmo respondeu que ao se deslocar para casa onde mora com seu genitor, no Sítio Logradouro, s/n, zona rural, Tuparetama-PE, encontrou a arma de fogo, tendo a levado para a casa e ao manusear a arma que se tratava de uma espingarda retro carga, tipo “soca-soca”, a mesma deflagrou em sua mão.
O envolvido 01 J E T, 43 anos, separado, agricultor, genitor da vítima, informou ao policiamento que estava do lado de fora da residência e não percebeu a entrada do filho com a arma, tendo ouvido apenas o disparo e posteriormente os gritos do filho pedindo ajuda.
Diante da situação o genitor da vítima o conduziu para o hospital para atendimento. O envolvido 02 C E T, 32 anos, casado, montador de móveis, que é tio da vítima, informou que após o disparo correu para casa do irmão e após o sobrinho ser socorrido, encontrou a arma no quarto e a guardou para possíveis esclarecimentos diante das autoridades.
A ocorrência foi passada à disposição da delegacia de Afogados da Ingazeira, juntamente com a arma para medidas cabíveis.
Vias de fato em Carnaíba
Por volta das 10h 15 da manhã, os policiais militares dando cumprimento ao cartão programa se depararam com os envolvidos 01 J E P P, casado, agricultor e 02 V Q  S, casado, em vias de fato.
Os mesmos foram contidos pelos policiais, porém não quiseram representar judicialmente um contra o outro.
Como resultado das agressões, o envolvido 1 sofreu um hematoma no joelho direito e o envolvido 02 um corte no olho esquerdo e por esse motivo foi conduzido ao hospital local por populares.
Após a saída do policiamento do local o envolvido 02 se dirigiu a residência do envolvido 1 e com uma pedra quebrou os vidros da porta da residência do envolvido 1, e ameaçou-o dizendo: “sai para fora cachorro para eu lhe matar”; em ato continuo populares retiraram o envolvido 2 do local. A ocorrência foi repassada para Delegacia Local para serem adotadas as medidas legais cabíveis.
Moto choca-se com ônibus em Iguracy
A GT de Iguaracy, foi procurada pelo motorista do ônibus, Mercedes Benz/M polo ideale, cor branca, placa OVA 3610, informando que quando trafegava na Rodovia PE 275, Jabitacá, Iguaracy-PE, nas proximidades do povoado de Jabitacá, sentido Arcoverde, observou uma motocicleta Honda CG 125, Titan KS, cor verde, Placa DCQ 0623, em baixa velocidade na pista de rolamento e que ao tentar fazer a ultrapassagem o motoqueiro chocou-se na parte frontal direita do ônibus vindo a cair sofrendo apenas escoriações leves no corpo e causando avarias no ônibus.
As vitimas foram encaminhadas ao HREC em Afogados da Ingazeira. As informações foram passadas pelo envolvido 2 A P da P, casado, motorista, idade n/i e pelas testemunhas, M A dos S, 29 anos, solteira, agricultora e M de F, 45 anos, divorciada, agricultora.
A ocorrência foi repassada a DP local para adoção das medidas legais cabíveis.