ACADEMIA


terça-feira, 2 de agosto de 2022

Festival de Inverno de Garanhuns movimentou R$ 24 milhões de receita turística

 


Com um alto fluxo de visitantes, o Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) ajudou a fomentar a economia do Agreste de Pernambuco neste mês de julho. De acordo com um levantamento realizado pela Unidade de Pesquisa da Secretaria de Turismo e Lazer e a Empetur, o evento movimentou uma receita turística total de R$ 24 milhões. Desse total, R$ 16 milhões foram proveniente de gastos dos turistas, enquanto os R$ 8 milhões restantes foram de gastos dos excursionistas.

Completando 30 anos de história, o FIG reuniu, entre turistas e excursionistas, 42.190 pessoas. Neste período, a hotelaria do município registrou uma ocupação de 87% nos 4.890 leitos, com uma permanência média de dois dias nos meios de hospedagem, subindo para quatro dias para aqueles que ficaram em casa de parentes, amigos ou casas de aluguel. Em média, o gasto individual diário foi R$ 117,20.

O principal meio de hospedagem utilizado foi casa de parentes e amigos (61%), seguido de hotel (19%) e casa ou apartamento de aluguel (10%). Automóvel foi o principal meio de transporte utilizado para chegar em Garanhuns (84,77%). No que diz respeito ao público do festival, 40% acompanhou o FIG pela primeira vez neste ano. Já entre os visitantes, 78,11% são de Pernambuco. Fora do estado foram registrados grupos de Alagoas, São Paulo, Paraíba e Sergipe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.