ACADEMIA


segunda-feira, 11 de julho de 2022

Barragem de Serro Azul: Apac nega que reservatório esteja perto de verter

 


A notícia de que a Barragem de Serro Azul, no município de Palmares, na Mata Sul de Pernambuco, poderia verter pela primeira vez, desde que foi inaugurada em 2017, foi desmentida pela Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac).

Em publicação nas redes sociais oficiais e por informações repassadas pela assessoria de imprensa da Agência, é explicado que não há o risco de vertimento, apesar de o nível da barragem estar alto.

Segundo informações atualizadas do sistema do reservatório de Serro Azul, a barragem está com um volume de 214.525.000 m3 e um percentual de 70,77 % de sua capacidade. Para verter, segundo a Apac, teria que estar acima de 95%.

E, como não há previsão de chuvas intensas para a próxima semana – pelo menos até a última quarta-feira, não haveria o risco de vertimento. Além disso, o volume de águas da Serro Azul estaria diminuindo gradativamente, segundo técnicos da Apac verificaram em nova visita realizada na sexta-feira (08).

Nas redes sociais, inclusive, a Agência chega a alertar a população para que não se deixe levar por boatos. Explica que técnicos inspecionaram a barragem na sexta e constataram que, com a diminuição da intensidade das chuvas na região, a tendência de elevação do reservatório está se modificando.

“O reservatório é monitorado diariamente pelas equipes da Apac e mantido pela Secretaria de Infraestrutura de Pernambuco (Seinfra). Regularmente, a barragem passa também por inspeções de segurança regulares. O Serro Azul também possui Plano de Segurança de Barragens (PSB) e Plano de Ação de Emergência (PAE), seguindo o que determina a Política Nacional de Segurança de Barragens”, afirma a Apac.

“A Seinfra reforça que as informações sobre a atuação de sistemas meteorológicos e níveis de reservatórios são repassadas por meio de boletins oficiais às coordenadorias de Defesas Civis Municipais e Estaduais e a toda a população pernambucana. Desta forma, a orientação é que as pessoas tenham cuidado com boatos e notícias falsas que estão sendo divulgadas, principalmente, pelas redes sociais. Informações e atualizações confiáveis sobre os rios estão disponibilizadas no site da Apac”, finaliza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.